05 Técnicas de Fotografia com resultados fantásticos

5 técnicas de fotografia que podem mudar a forma de como pensa no momento de fotografar e também os resultados.

Neste artigo ensinarei os conceitos básicos para as técnicas de Dupla Exposição,Panning, Longa Exposição, Light Painting e Puxada de zoom. Cada uma com suas características que, se bem executadas, podem proporcionar efeitos extraordinários.

É importante dizer que todas estas técnicas de fotografia podem ser executadas por qualquer pessoa, desde que a prática seja constante.

Costumo dizer que o processo principal de aprendizado na Fotografia é PRATICAR.

Você pode combinar estas técnicas e usá-las em qualquer tipo de fotografia.  O fator mais importante aqui é saber quando usar ou não.

#1 – Técnica Dupla Exposição

Em minha opinião é uma das mais complexas técnicas de fotografia. Além de exigir um conhecimento sobre composição, o fotografo precisa conhecer muito bem o comportamento da luz e a relação entre as áreas claras e escuras.

Técnicas de Fotografia Dupla Exposição

Os resultados são tão interessantes e complexos que passam tranqüilamente por uma montagem no photoshop.

É possível fazer o efeito de dupla exposição utilizando o photoshop, mas não é o que vamos nos focar aqui.

É impossível ficar indiferente com um bom resultado em dupla exposição e por alguns segundos paramos para observar sobre tal resultado e tentamos entender qual foi a concepção do fotógrafo no momento dos cliques.

Técnicas de Fotografia Dupla Exposição Cidade

Como fazer a dupla exposição

Passo 01: Encontre em sua câmera o ajuste de múltiplas exposições, em seguida desative a opção de Compensação, isso vai garantir que a câmera não altere automaticamente os ajustes da dupla exposição. Na Nikon está no mesmo menu, não tenho certeza para Canon.

Passo 02: Faça o primeiro clique com um contraste elevado, silhueta é muito bom. A imagem abaixo é apenas um exemplo para ilustrar onde a segunda imagem terá seu maior ponto de revelação.

PONTO A é o mais escuro da imagem, com isso terá o maior destaque da segunda imagem no momento da sobreposição.

O PONTO B que contempla 20% de preto, terá menos evidência da segunda fotografia.

Técnica Dupla Exposição A

Passo 03: Encontre de acordo com a primeira composição, a área mais escura da imagem e posicione objeto principal nesta área. As áreas de sombras da primeira foto, serão reveladas com maior detalhes na composição final.

Técnica Dupla Exposição B

Somente para exemplificar se o fundo fosse branco, o destaque da imagem seria apenas para o pássaro. O fundo continuaria 100% branco.

Técnica Dupla Exposição C

#2 – Técnica Panning

O Panning é uma das técnicas de fotografia muito utilizada em fotografias esportivas. A idéia é acentuar este movimento ajustando a velocidade do obturador com a velocidade do movimento feito com a mão no momento do clique.

Técnicas de Fotografia Panning

Como fazer o Panning?

Minha dica é iniciar com a técnica durante o dia até que esteja mais confiante em executá-las. É mais simples aprender quando há mais luz.

Passo 01: Escolha um modelo que esteja em movimento. Uma pessoa correndo ou andando de bicicleta são excelentes para iniciar.

Você pode também querer fotografar um carro ou moto em movimento, no entanto pela velocidade, pode ser mais difícil acertar o efeito nos primeiros cliques.

Velocidades mais altas do obturador são necessárias.

Técnicas de Fotografia Panning Carro

Passo 02 (Opcional para iniciantes): Se você for iniciante na fotografia, deixe o diafragma de sua objetiva acima de f8, garantindo que evite desfoques na cena principal.

Passo 03: Recomendo que seus primeiros cliques sejam feitos com lentes angulares, distâncias focais entre 18mm, 24mm e 35mm. O panning pode ser executado com outras objetivas, no entanto quanto maior a distância focal, maior a dificuldade.

Passo 04 (O mais difícil): Sincronizar a velocidade do obturador de sua câmera com a velocidade de movimento para o clique.

Técnica Panning

Não há um padrão para velocidade do obturador, pois ao fotografar um carro numa rodovia a 100km/h precisará de velocidades mais altas para “congelar” o carro. Talvez entre 1/400 e 1/600.

Já para pessoas correndo, certamente velocidades mais baixas serão necessárias. Portanto faça muitos cliques até encontrar a velocidade correta. Pode iniciar seus cliques com velocidades entre 1/60 e 1/100.

Se desejar aprender tudo sobre objetivas, poderá conferir este breve vídeo sobre o Objetivas na Prática.

#3 – Técnica Longa Exposição

Esta é uma das técnicas de fotografia que gosto de utilizar em meus trabalhos na fotografia de casais.

Técnicas de Fotografia Longa Exposição
Foto: Willian Lima

A Longa exposição trata-se de uma das técnicas de fotografia em que o fotógrafo programa o obturador da câmera para abrir e fechar após alguns segundos, mais lentamente que o normal.

Apesar de utilizada em algumas situações, a longa exposição ficou conhecida pelas lindas fotografias noturnas, com céu estrelado.

Não é uma técnica tão difícil de ser aplicada, pois você pode conferir a Fotometria pela própria câmera e ajustar o tempo de exposição para um bom resultado.

Técnica de Fotografia Longa Exposição
Foto: Samy Al Olabi

Como fazer uma longa exposição

Passo 01: Posicione sua câmera num tripé. Seu uso é obrigatório, pois é praticamente impossível manter a câmera na mesma posição por alguns segundos utilizando as mãos.

Passo 02: Ajuste o obturador de sua câmera acima de 5 segundos e abertura da objetiva para f/3.2. É claro que são apenas dicas iniciais, conforme o tempo vai encontrar suas próprias configurações. Não há regras e configurações “obrigatórias”.

Passo 03: Ajuste o ISO para obter a fotometria correta.

#4 – Criando com o Lightpaiting

É impossível falar de lightpainting excluindo a longa exposição, pois uma técnica depende da outra. A base é a longa exposição e neste período de tempo o fotógrafo usa luzes para criar a imagem final.

Técnicas de Fotografia LightPainting
Foto: Troy Paiva

A foto acima de Troy Paiva é um exemplo de longa exposição bem executado. O fotógrafo fez uma série de imagens em locais abandonados e utilizava luzes coloridas para composição final.

Como fazer uma foto com lightpainting

Passo 01: Posicione sua câmera num tripé. Seu uso é obrigatório, pois é praticamente impossível manter a câmera na mesma posição por alguns segundos utilizando as mãos.

Passo 02: Ajuste o obturador de sua câmera acima de 20 segundos e abertura da objetiva para f/3.2. É claro que são apenas dicas iniciais, conforme o tempo vai encontrar suas próprias configurações. Não há regras e configurações “obrigatórias”.

Técnica Lightpaiting

Passo 03: Ajuste o ISO para obter a fotometria correta. Como se trata de locais escuros, use sua luz como padrão de potência para fazer a medição.

Passo 04: “Desenhe com a luz” nos locais que deseja revelar, ou até mesmo crie formas à frente de sua câmera. Qualquer ponto de luz na escuridão será revelado enquanto a câmera estiver com o obturador aberto.

#5 – Técnica “Puxada de Zoom”

A ideia da técnica é adicionar movimento ao redor do elemento principal da fotografia, seja um objeto ou um modelo.

Técnicas de Fotografia Zooming Noite

Diferente do Panning, a puxada de zoom é uma das técnicas de fotografia que também pode ser aplicada à cenários estáticos. Apenas baixando a velocidade do obturador é possível obter resultados bem legais.

Esta técnica é possível ser feita apenas com uma objetiva zoom.

Como fazer uma foto com a puxada de zoom

Passo 01: Ajuste sua câmera para velocidades mais baixas. Uma boa é iniciar seus testes entre 1/30 e 1/50.

Passo 02: Ajuste o diafragma para aberturas menores, entre f/5.6 ou menor.

Técnicas de Fotografia Zooming

Passo 03: Ajuste o ISO para obter a fotometria correta da cena

Passo 04: Para obter o efeito você precisa efetuar o clique e puxar o zoom ao mesmo tempo. Por isso são necessárias velocidades mais baixas. Alguns fotógrafos também giram a câmera juntamente com a puxada do zoom para obter efeitos mais distorcidos.

Para explicar a fundo todas estas técnicas estou preparando diversas aulas em vídeo, pois ainda já muito a ser discutido.

Espero que tenha gostado e compartilhe com amigos! 😉

Abraços e até breve!

Willian Lima

Cursos Falando de Foto
  • Sobre a dupla exposição:

    Estou olhando o manual da Canon EOS Rebel T5i e não tem opção para desativar a compensação no modo SCN/HDR e as fotos são feitas em sequência, sem possibilidade de fazer uma foto agora e outra em outro momento. No modo de Variação Automática da Exposição, ou AEB, as fotos são feitas com diferença de exposição mas não são combinadas.

    Até onde eu vi, não tem como fazer dupla exposição nas Canon, exceto a Canon EOS 5D Mark III.

    O MagicLantern já se posicionou sobre o assunto, eles não vão oferecer dupla exposição/múltipla exposição. A política deles é não colocar no firmware alternativo o que pode ser facilmente feito no pós-processamento.

    A solução é usar o GIMP, ou o Photoshop, ou então um editor online como o Pixlr, ou o funny.pho.to, ou outro qualquer.

    • Olá Cesar, obrigado pelo Feedback. Sobre o fato de fazer as fotos em sequência é como estou acostumado, pois as Nikons que usei até hoje nunca houve possibilidade de fazer de outra forma. Sei que algumas canoas podem juntar exposições em momentos diferentes. Mas hoje pra mim isso não é um problema pra mim.

      Mas acho que dá para fazer dupla exposição sim heim em outros modelos sem ser a MK III.

      Mais uma vez, valeu por participar!