Como desenvolvi as cores pastéis para fotografia digital no Lightroom

Apesar de iniciar profissionalmente na fotografia digital, sempre apreciei de perto os tons pastéis dos filmes fotográficos e neste artigo quero trazer informações legais para quem tem interesse em entender um pouco mais sobre as cores que venho usando em meus últimos trabalhos na fotografia de casamento e família.

Se hoje usasse um conjunto analógico para fotografar meus trabalhos, certamente seria composto pelo filme FujiPro 400h e uma câmera Contax 645, a melhor referência pra mim em cores pastéis.

Jose Villa Cores Lightroom

Só que aqui no Brasil enfrentamos 02 problemas principais.

  • A falta do filme fotográfico para comprar, tornando inviável o uso profissional;
  • A falta de profissionais e empresas especializadas em digitalizar filme com máxima qualidade. Este fator poderia resolver adquirindo um scanner profissional, só que me geraria um outro problema, alto valor de investimento.

Sem contar com outros fatores menores que me fizeram optar definitivamente pela fotografia digital aqui no Brasil.

Minhas inspirações com cores pastéis na fotografia

Acredito que cores suaves remetem à simplicidade, sofisticação e tem tudo à ver com fotografia de pessoas.

Dois fotógrafos que usam o conjunto FujiPro 400h e Contax 645 que citei no início são referências para minhas cores atuais, José Villa e Erich Mcvey.

São conhecidos mundialmente, que tornam a fotografia de casamento simples e bela.

Erich Mcvey Photographer

As características das cores pastéis do FujiPro 400H

É importante entender algumas características importantes sobre este “look pastel”, independente de fotografar com filme ou digital.

  • Fotometria superexposta na média de 1 ponto;
  • Balanço de branco totalmente neutro. Os mais usados para fotografia ao ar livre durante o dia estão entre 5000k e 6500k;
  • Objetivas médias, acima de 50mm;
  • Aberturas de diafragma acima de f/2.5;

Nota: Atentar-se à estes detalhes vão facilitar para ter suas fotos com tons pastéis similares ao apresentados aqui.

As cores pastéis na fotografia digital

É fato que na fotografia digital, as cores, as luzes e a profundidade de campo se comportam de forma diferente em relação à fotografia analógica, principalmente comparando-se a uma Contax 645, médio formato.

Cores Pastéis na Fotografia de FAmília

Tive dificuldade em entender que trabalhar com cores pastéis na fotografia digital não era simplesmente tirar a saturação de tudo no lightroom ou photoshop e pronto.

Tratando-se das referências compartilhadas até aqui, estudando muito o Fujipro 400H com a Contax 645, cheguei aos seguintes resultados para aplicar em minhas fotografias digitais no Lightroom.

  • Os amarelos sofrem variações de tonalidades e ao contrário que parece, são bem saturados;
  • Os verdes são menos saturados que o amarelo, porém com ajuste tonal negativo;
  • Os azuis são mais escuros e saturados que o tradicional capturado por uma DSLR;
  • Os laranjas são mais claros e pouco saturados em relação ao amarelo;

É uma combinação de matiz e saturação única para se aproximar do conjunto FujiPro 400H com a Contax 645.

Não ficou bom em JPEG, apenas RAW

Presets Jose Villa

Acho importante falar de meus testes em JPEG, que nunca deram certo. Como o JPEG é um arquivo de pixel, acabou prejudicando os resultados ao trabalhar com a variação tonal e de luz.

Para simular as cores pastéis no lightroom são necessários diversos ajustes de matiz, saturação e luminância em praticamente 80% das cores.

Portanto para obter bons resultados, você precisa fotografar em RAW.

Presets cores pastéis no Lightroom – Disponível para Venda

Para agilizar meu fluxo de trabalho com cores pastéis no lightroom, criei os presets FujiPro 400H. São os mesmos que uso em todo meu trabalho na Butique Fotográfica fotografando casais e famílias.

Quero te convidar a assistir este vídeo sobre como os presets trabalham dentro do lightroom e se desejar será muito bem vindo(a) como aluno(a).

Abraços e nos vemos em breve!

Presets Fuji Pro 400H